As giras

Os rituais de Umbanda são conhecidos como “giras” e consistem em várias etapas, culminando com a manifestação das entidades espirituais por meio da incorporação. No caso da Umbanda Esotérica, as entidades que trabalham incorporadas são os Caboclos, os Pretos-Velhos e as Crianças. Além dessas 3 formas fundamentais de apresentação, existem também os Exús guardiões que atuam sob as ordens desses guias para neutralizar energias negativas.

A primeira parte da gira ou sessão consiste em uma palestra que o sacerdote faz com o intuito de mostrar princípios de espiritualidade e suas aplicações no dia a dia. Muitas vezes o conteúdo é influenciado pelas entidades através da intuição mediúnica do pai ou mãe de santo, trazendo mensagens que são importantes para as pessoas presentes.

A seguir inicia-se o rito propriamente dito com uma oração de permissão a Oxalá – o Cristo Jesus e aos sete orixás para que estendam suas vibrações, permitindo a vinda dos espíritos protetores que irão incorporar.

Feita essa abertura, iniciam-se os cânticos sagrados, ditos pontos cantados, para atrair as forças espirituais envolvendo e afirmando a corrente mediúnica. Na sequencia faz-se a purificação de todos por meio da defumação. Os elementos utilizados na defumação são sempre naturais e a maior parte dos terreiros utiliza uma mistura de alfazema, alecrim, benjoim, incenso etc.

Depois disso, cada casa tem sua forma de salvar os Exús guardiões que tomam conta do ambiente. Na Umbanda Esotérica utilizamos uma descarga de pólvora para afastar qualquer entidade negativa.

Feita essa preparação inicial, o congá e os médiuns estão prontos para receber seus mentores espirituais. Essa é a parte principal, mas que só ocorre bem se a preparação tiver sido feita adequadamente. Se as energias não estiverem bem equilibradas, os médiuns podem ter dificuldade na incorporação e as consultas não serão tão proveitosas, bem como o desgaste mediúnico será maior.

Ao final, quando as entidades tiverem subido e as manifestações mediúnicas terminado, o sacerdote verifica se tudo está em paz podendo tomar providências, como uma nova defumação, caso seja necessário.

O importante é que tudo comece bem e termine bem, com uma sensação de paz e leveza em todos. Estando tudo certo, os frequentadores sairão sempre se sentindo melhor do que quando chegaram.

A Umbanda é assim, simples, profunda e eficaz.

Saravá!

Os comentários estão desativados.

  • Onde estamos